Comendo com os olhos

Para fotografia de culinária, além de saber o que se está fazendo, dois pontos são, não determinantes, mas fundamentais: Um bom chief, ligado na produção do alimento para virar imagem, e uma boa ambientação. Nessa “playlist” com o Chief Fábio Leal tínhamos tudo isso.

Sardinhas assadas em cubos crocantes de cara
Sardinhas assadas em cubos crocantes de cara

IMG_20150709_142514

abobrinha italiana recheada com carne de raia e ricota fresca
Abobrinha italiana recheada com carne de raia e ricota fresca

IMG_20150709_133205

Filé de peixe branco empanado com aveia fina, acompanhado de purê de batata roxa com redução de molho de ostras
Filé de peixe branco empanado com aveia fina, acompanhado de purê de batata roxa com redução de molho de ostras
Tamboril ensopado com água de coco, especiarias e curcuma da terra
Tamboril ensopado com água de coco, especiarias e curcuma da terra

IMG_20150709_121725

 

Sardinhas assadas em cubos crocantes de cara
Sardinhas assadas
Filé mignon de suíno com repolho caramelizado  e sementes
Filé mignon de suíno com repolho caramelizado e sementes

Lombo de peixe branco com vinagrete de salsão

 

Lombo de peixe branco com vinagrete de salsão
Lombo de peixe branco com vinagrete de salsão
Anúncios

Sopa de Bolachas

Depois do estrondoso sucesso da maravilhosa receita de bolinhos de chuva da minha mãe, resolvi revelar mais uma receita secreta de família, de tradicional cultura mediterrânea (ra-rá), para aquecer o inverno chegante: A tradicional Sopa de Bolachas do Meu Irmão!stosfot_STS0564

Ingredientes:
– Bolacha Maizena Tostines (1 pacote) – ainda existe Tostines?
– Leite (pode ser de vaca mesmo)
– Café
– Açúcar
– Dia frio (pode ser chuvoso ou não)
– Canela em pó
– Uísque* ou Conhaque (se for maior de 18)
– Gás de cozinha

Preparo:
Faça um dia frio… Digo, pegue um dia frio. Prepare um café com leite do tipo “pingado”, ou seja, muito forte, suficiente para meia tigela. Adoce, adicione canela (pitada mínima) e um cálice da bebida escolhida (se tiver mais de 18 e não for dirigir). A receita tradicional diz pra juntar tudo numa tigela esmigalhando as bolachas em pedaços próximos a 1 centiímetro até ficar uma papa. Já eu, prefiro apenas partir as bolachas ao meio numa tigela com o café (como na foto), para que mantenham um pouco de sua consistência. Coma.

*Prefiro uísque, pois a sobra sempre pode ser aproveitada 😉

Um café?

Convite pra um café é irresistível, né não?
Adoro café. O café aroma, o café sabor, o café mental, o café fotográfico.
Água quente, pó moído na hora. Coisas simples, como uma luz simples.

Trabalho para a Cafeteria do Museu, na Bolsa do Café em Santos. Se clicar nas fotos dá pra ver um pouco maior.

Um dos sets clicado com meu celular. Atrás, a esquerda tem mais uma luz, com um “quase snoot” improvisado e gelatina laranja pra esquentar os contornos.