LAYERS

Este é um trabalho que venho pensando em seu formato há uns bons meses e que resolvi executá-lo sob a linguagem de algumas amostras que eu já tinha em meu arquivo.

O formato in motion é uma experiência. Usar uma música em background é um risco de não agradar. Mas tudo é experimento. A favor da ideia esclareço que música e fotografia foram produzidos quase que simultaneamente.


Vamos lá, são apenas pouco mais de 6 minutos. Ligue o som e assista com carinho. Afinal, a música também é minha, desenferrujando na “modalidade” após mais de 20 anos sem compor. Depois comente aqui!

Anúncios